Lançamentos Editoriais

livro

Parasitologia Peixes de água doce do Brasil

 

ISBN: 978-85-7628-531-1
Formato: 17 x 24 cm
Número páginas: 452 
Ano de Publicação: 2013
Edição: 1ª Edição
Assunto: Ictioparasitologia de água doce - Brasil
Tipo de Encadernação: Brochura
Organizadores: Gilberto Cezar Pavanelli, Ricardo Massato Takemoto, Jorge da Costa Eiras

SINOPSE: Este Livro se destina a todos aqueles que precisam de informações básica sobre vários aspectos da morfologia, ciclo evolutivo, técnica de coleta, métodos de estudo, Profilaxia e tratamento entre outros, referentes ao grupos zoológicos onde se concentram os parasitos de peixes de água doce no Brasil.

Para adquirir escreva para: takemotorm@nupelia.uem.br

 

 

livro

Métodos para análise hematológica em peixes

ISBN: 978-85-7628-530-4
Formato: 15 x 20 cm
Número páginas: 140
Ano de Publicação: 2013
Edição: 1ª Edição
Assunto: Hematologia-Peixes 
Tipo de Encadernação: Brochura
Organizadores: Maria José T. Ranzani-Paiva, Santiago Benites de Pádua, Marcos Tavares-Dias, Mizue I. Egami

SINOPSE: Este livro Preencherá uma das lacunas literárias técnico-cietíficas essenciais no estudo do sangue normal, no diagnóstico de doenças de peixes. Alem disso, esta obra foi elaborada com intuito de padronizar os protocolos empregados nos procedimentos hematológico.

Para adquirir escreva para: mase@pesca.sp.gov.br

 

 

 

Escrito por 34 pesquisadores de nove estados do Brasil e uma pesquisadora do Porto, Portugal, o livro Sanidade de organismos aquáticos no Brasil é composto por valiosas informações, desde históricas até as mais atuais, distribuídas em 19 capítulos organizados em cinco partes. Na primeira parte são apresentadas as metodologias de avaliação e de manejo da qualidade da água para uso em cultivos; na segunda são abordadas as técnicas de manejo e as patologias registradas na malacocultura brasileira e as contaminações de moluscos bivalves cultivados por patógenos que oferecem riscos à saúde humana; na terceira são abordadas as técnicas de cultivo dos camarões, suas enfermidades e os métodos de diagnóstico; na quarta parte, reservada aos peixes, são apresentados os assuntos referentes ao cultivo marinho, aos avanços na nutrição e o uso de imuno-estimulantes, à histopatologia, ao estresse e às parasitoses de distintas espécies cultivadas ou pescadas em estados do Brasil; a quinta e última parte traz uma análise dos impactos positivos e negativos da aqüicultura, apresenta perspectivas futuras e aborda a sustentabilidade dessa atividade visando a qualidade dos seus produtos, através da análise emergética, do manejo em raniculturas e, por fim, da garantia da qualidade higiênico-sanitária no comércio varejista do pescado. Essa obra constitui, indubitavelmente, uma valiosa fonte de consulta atual e futura e importante contribuição para o desenvolvimento da aqüicultura no país.